Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Esperar o melhor e preparar para o pior
04/08/2020 09:40

A FRASE...

"Sinais de uma recuperação progressiva da atividade económica."

Ministério das Finanças, Eco, 31 de julho 2020

A ANÁLISE...

Estará, também, o Governo preocupado com a falta de crescimento económico até ao final do ano? Seguramente que sim! Não obstante o aparente otimismo na mensagem do ministério das Finanças quanto à recuperação, é altamente provável que o segundo semestre continue a trazer notícias preocupantes do lado da produção e do emprego.

É verdade que, do ponto de vista do aparelho produtivo, já se verifica uma melhoria da atividade e, até, uma muito tímida recuperação do turismo. Mas é ilusório achar que o pior já passou. As condições de exploração das empresas - com o fim dos apoios estatais - deterioraram-se e são piores que as verificadas durante o período de paragem forçada da economia.

Contabilizada a primeira ronda de perdas, a queda no PIB foi sobretudo o resultado da quebra da procura externa, como refere o ministro da Economia e bem. A suspensão abrupta dos fluxos de turismo trouxe a perda de receita de um setor que, até há pouco, era o mais dinâmico e determinante na criação de emprego. A balança de serviços (metaforicamente, a "correia de transmissão") sofreu um golpe rude!

Na frente doméstica - ao segurar os salários (com o lay-off  simplificado) e oferecendo às famílias e empresas a facilidade de adiar pagamentos (contribuições e impostos, e empréstimos) - a procura interna resistiu. Ironicamente, criou uma falsa perceção de aumento do rendimento disponível, que permitiu reforçar as poupanças e, creio mesmo, escoar os stocks de produtos. Mais adiante veremos!

O multiplicador da despesa - que governos e economistas aplaudem nas fases de crescimento - vai agora partir para uma segunda ronda de efeitos, mas em sentido inverso: vai desmultiplicar! Escasseando os apoios públicos, é altamente provável que se registe uma quebra da procura interna. Não sendo contrariada pelo turismo (que observa reduções nos rendimentos do trabalho e do pequeno capital) e pretendendo menorizar as perdas que se vislumbram no horizonte, o segundo semestre coloca exigências muito fortes sobre a restante indústria portuguesa. Preparados ou pessimistas?

Este artigo de opinião integra A Mão Visível - Observações sobre as consequências diretas e indiretas das políticas para todos os setores da sociedade e dos efeitos a médio e longo prazo por oposição às realizadas sobre os efeitos imediatos e dirigidas apenas para certos grupos da sociedade.

maovisivel@gmail.com

Trump indica juíza Amy Coney Barrett para Supremo Tribunal dos EUA
27/09/2020 13:03

Europa descobre que testes em massa não são panaceia para vírus
27/09/2020 13:00

Transportes públicos são ?ponto nevrálgico? da transmissão de covid diz especialista
27/09/2020 11:31

As rendas nas freguesias da Área Metropolitana de Lisboa e Área Metropolitana do Porto no primeiro s
27/09/2020 11:00

Trabalhistas lideram primeira sondagem desde que Boris Johnson chegou ao poder
27/09/2020 10:17

Portugal está no bom caminho energético e digital diz Von der Leyen
27/09/2020 09:36

Ensino Superior: Sobraram 6 mil vagas mas há quatro instituições sem nenhuma
27/09/2020 09:27

Pai e filho que vendem carros usados enriquecem 5 mil milhões num só dia
26/09/2020 20:00

OE2021: PCP recusa pressão para "assinar de cruz"
26/09/2020 19:04

Suíça vota este domingo fim da livre circulação com a UE
26/09/2020 19:00

Citigroup recomenda trocar ações europeias por mercados emergentes
26/09/2020 18:00

Rússia diz que também foi alvo de pirataria por causa da vacina
26/09/2020 17:04

Mais de 990 mil mortos e 32,5 milhões de infetados por covid-19 no mundo
26/09/2020 15:16

O desemprego registado em agosto de 2020 em todos os concelhos de Portugal Continental
26/09/2020 15:00

Mais 884 novos casos e 8 óbitos por covid-19 em Portugal
26/09/2020 14:27

Família real britânica vai congelar salários devido ao impacto da covid
26/09/2020 14:00

DGS não autoriza Benfica a ter sócios na tribuna presidencial da Luz
26/09/2020 13:32

OE2021: BE critica Marcelo e diz não lhe compete definir maiorias parlamentares
26/09/2020 13:23

Primeiro-ministro libanês demite-se perante impasse político
26/09/2020 12:13

Sentir uma ?Embriaguez Divina?, fazer um percurso sonoro e seis outras ideias
26/09/2020 12:00

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco