Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Contratos da semana: Câmara de Lisboa vai gastar mais de meio milhão contra praga de baratas
20-09-2019 12:59

A câmara municipal de Lisboa vai gastar 531,3 mil euros (432 mil mais 99,3 mil em IVA) no combate às pragas de baratas e ratos da cidade. De acordo com o contrato assinado no dia 20 de maio com a empresa CED - Companhia Europeia de Desinfeções após concurso público, mas só publicado esta semana no portal Base dos contratos públicos, os "serviços de controlo anti murino [ratos] e anti blatídeo [baratas] na cidade de Lisboa" serão prestados durante um prazo de três anos.
No dia 29 de agosto, a autarquia garantia no grupo que criou no facebook dedicado à "Limpeza Urbana da cidade" que a intervenção nos coletores de esgoto na via pública para desifestação de baratas, que decorria desde junho em toda a cidade, estava "em fase final".
"As intervenções no espaço público foram previamente articuladas com as juntas de freguesia que reforçam a varredura nas áreas intervencionadas", referiu a autarquia, assegurando que "com a intervenção na via pública os blatídeos aparecem tanto pelos sumidouros como por tampas de coletores, e assim surgem à vista dos cidadãos, mas morrem passado poucas horas".
"Os moradores devem também realizar a desinfestação das caixas de visita/esgotos dos coletores internos dos prédios, para manter o ambiente livre de pragas", recomendavam os responsáveis do grupo, revelando ainda que "o controlo de pragas urbanas é efetuado regularmente e após a conclusão das intervenções a CML fará ações de monitorização".Esclarecimentos que surgiram no mesmo dia em que o Jornal de Notícias noticiou que os moradores e lojistas da Alameda dos Oceanos, no Parque das Nações em Lisboa, queixavam-se de uma praga de baratas enormes que tem invadido prédios e habitações.
Contactada na altura pelo JN, a Junta de Freguesia do Parque das Nações explicou que a praga apareceu depois de uma desinfestação. A desbaratização aconteceu na sequência da queixa de um morador e, por causa dessa ação "as baratas vieram à superfície, tendo morrido pouco depois e sido removidas por uma equipa da Junta".No grupo "Lisboa - Higiene Urbana encontram-se, no entanto, munícipes de outras freguesias a queixarem-se do mesmo problema.OUTROS CONTRATOSNa última semana foram publicados 2.930 contratos de empreitadas de obras públicas e de aquisição de bens e serviços no valor global de 166,9 milhões de euros. Deste total, 1.394 foram por ajuste direto (35,3 milhões) e 393 através de concurso público (86,8 milhões).
Centro Hospitalar do Algarve gasta 133,2 mil euros em um mês de vigilânciaO Centro Hospitalar Universitário do Algarve vai gastar 133,2 mil euros (108,3 mil mais IVA) em serviços de vigilância só no mês de setembro.De acordo com o contrato publicado no portal Base, os serviços contratados à empresa Securitas após ajuste direto abrange "as Unidades Hospitalares de Faro, Portimão e Lagos2.O documento revela ainda que os serviços de vigilância e segurança incluem ainda o "Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental, Centro de Medicina de Reabilitação do Sul, Serviço de Urgência Básica de Vila Real Santo António (SUB VRSA), Serviço de Urgência Básica de Loulé (SUB Loulé) e Serviço de Urgência Básica de Albufeira (SUB Albufeira)".PSP compra 12 drones por 47,8 mil eurosA Polícia de Segurança Pública (PSP) comprou 12 drones quadricópteros por 47,8 mil euros (38,9 mil mais IVA).O contrato, celebrado com a empresa Hanner & Hanniel após consulta prévia, abrange serviços de manutenção e ações de formação. Além dos drones, o contrato inclui uma estação de controlo remoto e vários acessórios, uma câmara visual dual com modos de fotografia e de gravação de vídeo - 4K Ultra HD e uma câmara térmica dual com modos de fotografia (single shot e Burst shooting) e modos de vídeo.O equipamento tem uma garantia de 24 meses "contra defeitos de fabrico, exceto das baterias, que é de 1 mês" e "no caso de anomalia ou defeito os equipamentos deverão ser substituídos no prazo de 24 horas, sem custos associados".Câmara do Porto gasta 19,9 mil euros em dois kit´s antiterroristaA câmara municipal do Porto comprou dois kit´s antiterrorista por 19,9 mil euros mais IVA.De acordo com o contrato assinado com a empresa Micotec - Eletrónica, é "composto cada um por 12 barreiras móveis certificadas e caixa de transporte".O prazo de execução do contrato é de 20 dias.Câmara de Albufeira paga 779,6 mil euros em dois meses de serviços de limpeza urbanaA câmara municipal de Albufeira vai pagar quase 800 mil euros na aquisição de se serviços de recolha, transporte de resíduos urbanos em apenas dois meses.O contrato, celebrado por ajuste direto com a empresa Luságua - Serviços Ambientais, tem um prazo de execução de apenas dois meses (setembro e outubro). O contrato abrange ainda serviços de limpeza urbana e serviços auxiliares no concelho.NOTA
"Contratos da semana" é uma rubrica semanal do Negócios. Todas as sextas-feiras, o leitor poderá ficar a saber os principais procedimentos de aquisição de bens e serviços e empreitadas de obras públicas dos organismos e entidades da Administração Central, Local, Regional e do Sector Empresarial do Estado que foram publicados no portal Base na última semana. Mais do que concluir se o dinheiro dos contribuintes está ou não a ser bem aplicado, o objetivo desta nova rubrica é dar uma ideia aos leitores sobre as áreas e o valor das despesas do dia-a-dia dos nossos serviços públicos, destacando sempre os 10 procedimentos contratuais mais elevados e alguns dos contratos mais curiosos.

Rei dos cogumelos Cor(r)e com tomates para assinar na quarta-feira
25-05-2020 19:31

Só 18% das empresas pensam manter investimentos
25-05-2020 18:12

Bloco quer apoio ao emprego sem cortes salariais e contribuição solidária das empresas
25-05-2020 17:41

Norges Bank reforça posição nos CTT para mais de 5%
25-05-2020 17:36

Mota-Engil ganha mais de 6% e cimenta subida do PSI-20
25-05-2020 16:44

Delta e Ti Ginja acompanham Beirão no apoio aos empregados de café
25-05-2020 16:02

PEV: Governo disponível para suspender pagamento por conta este ano
25-05-2020 15:24

Governo adverte que "desconfinar não é descontrair"
25-05-2020 14:52

Restrições nas praias entram em vigor a 26 de maio
25-05-2020 13:20

PCP recusa trabalhadores em lay-off "ad eternum"
25-05-2020 12:57

Ibersol dispara quase 90% numa semana com reabertura de restaurantes
25-05-2020 11:56

Alemanha e Lufthansa já têm acordo para resgatar companhia aérea
25-05-2020 11:42

Anacom aplica coimas de 1,3 milhões até abril
25-05-2020 11:39

Negócios lança edição especial dedicada à sustentabilidade
25-05-2020 11:39

Dona do Colombo e NorteShopping entrega compras no estacionamento
25-05-2020 11:19

Bayer chegou a acordo com muitos dos queixosos do Round-up
25-05-2020 11:01

Feriado extra em outubro rende 560 milhões de euros ao Reino Unido
25-05-2020 10:33

CTT e EDP Renováveis puxam PSI-20 para o verde
25-05-2020 08:11

Bolsas dos EUA encerradas e outras 4 coisas que precisa de saber para começar o dia
25-05-2020 07:30

Marques Mendes: Costa e Rio "não têm a coragem de dizer a verdade" no Novo Banco
24-05-2020 21:33

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco