ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Startup angolana dedicada à arte africana contemporânea já vendeu 16 obras em Portugal
09/03/2022 22:54

Dois angolanos criaram uma startup totalmente dedicada à promoção e venda online de arte africana contemporânea que conta com artistas de 11 países e já vendeu 16 obras em Portugal.

A Afrikanizm Art Platform foi fundada em agosto de 2021, pelos angolanos Laura Leal e João Boavida, com o objetivo de dar "voz e oportunidades" a artistas de ascendência africana, residentes em África ou na diáspora, aos quais a plataforma se refere como 'Afrikanizts'.

João Boavida disse à Lusa que a plataforma tem estado a investir na captação de artistas plásticos e conta atualmente com cerca de 40 artistas de 11 países - Portugal, Espanha, Suíça, Burkina Faso, Nigéria, Gana, Ruanda, República Democrática do Congo, Angola e África do Sul.

Atualmente, estão "muito focados" no recrutamento no norte de África, designadamente Egito, Marrocos, Líbia e Sudão, prosseguiu.

Estados Unidos da América (EUA), Angola e Portugal são os países que já compraram peças através da Africanizm, que anunciou hoje uma parceira com a multinacional logística DHL, para "viabilizar a entrega das obras dos artistas plásticos africanos em tempo recorde e de forma segura, em qualquer geografia do mundo".

A Afrikanizm Art Platform pretende apoiar artistas emergentes em Angola e África e dinamizar os seus trabalhos nos maiores mercados de arte no mundo, como os EUA, Inglaterra, França e Itália, que se estima representarem um valor global superior a 62 mil milhões de dólares (56 mil milhões de euros).

Além do trabalho online, a Afrikanizm terá também uma presença offline, através da criação de iniciativas físicas, como exposições coletivas e individuais, garantindo uma relação próxima entre artistas plásticos, instituições, fundações e colecionadores privados, refere a empresa num comunicado.

"O negócio de arte 'online' representa ainda uma pequena fatia do volume do mercado global, tendo, no entanto, vindo a apresentar um franco crescimento, com os dois maiores players de e-commerce a apresentar, em conjunto, uma faturação de mais de 200 milhões de dólares [180 milhões de euros], em 2020, o que revela o forte potencial desta área de negócio", destaca a Afrikanizm.

Concurso de acesso ao ensino superior com 55 mil vagas
14/04/2024 01:41

G7 aprova criação de ?mesa de emergência? permanente sobre transporte marítimo
13/04/2024 20:40

Bloco afirma que ?Governo toma Portugal por parvo? quanto à redução do IRS
13/04/2024 19:54

PCP acusa Governo de fraude e de só querer reduzir impostos a grandes empresas
13/04/2024 19:32

Governo pede a portugueses que estejam em Israel para regressarem
13/04/2024 19:18

Futuros donos da Greenvolt querem chegar a um bilião de dólares em ativos
13/04/2024 19:00

Mais de 100 antigos combatentes vão entrar em greve de fome em 24 de abril
13/04/2024 18:00

Índia pede a Irão que garanta segurança de 17 indianos em navio português capturado
13/04/2024 16:52

Governo brasileiro suspende publicidade na rede social X após críticas de Musk
13/04/2024 16:12

Poiares Maduro: Há um grande desafio pela frente e "a UEFA está a enterrar a cabeça na areia"
13/04/2024 15:42

Hugo Soares: Primeiro-ministro ?não mentiu? e foi ?cristalino? sobre alívio fiscal
13/04/2024 14:21

PS pede debate de urgência com ministro das Finanças sobre redução do IRS
13/04/2024 14:14

Governo diz ser ?indesmentível? que corte no IRS leva a menos 1,5 mil milhões face a 2023
13/04/2024 14:05

Décio fez-se empresário em Penha Longa aos 24 anos e já emprega 200 pessoas
13/04/2024 13:45

Portugal pede esclarecimentos a Teerão sobre navio apresado no estreito de Ormuz
13/04/2024 13:13

Forças iranianas assaltam navio com bandeira portuguesa no estreito de Ormuz
13/04/2024 12:21

Web Summit no Brasil é rampa para portugueses em mercado fundamental
13/04/2024 10:10

Portugal precisa de construir 45 mil casas por ano para resolver crise habitacional
13/04/2024 10:08

TAP: Primeiro ano de Luís Rodrigues na liderança marcado por lucro recorde
13/04/2024 09:31

PSP alerta para burlas relacionadas com investimentos nas redes sociais
13/04/2024 09:19

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco