ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Forças iranianas assaltam navio com bandeira portuguesa no estreito de Ormuz
13-04-2024 12:21

Um navio de carga com bandeira portuguesa foi hoje tomado de assalto junto ao estreito de Ormuz por forças iranianas, afirmou agência de notícias do Irão associada à Guarda Revolucionária. 

 

A agência de notícias estatal iraniana IRNA reconheceu hoje o assalto a um navio junto ao estreito de Ormuz, depois de ter sido reportado um ataque a esse mesmo barco, que se suspeitava ter sido levado a cabo pela Guarda Revolucionária, força paramilitar iraniana que promoveu assaltos semelhantes no passado.

A agência norte-americana Associated Press (AP) tinha inicialmente avançado que o navio envolvido no ataque deveria ter sido o MSC Aries, de bandeira portuguesa e associado à empresa internacional Zodiac Maritime, parte do grupo do bilionário israelita Eyal Ofer.

Posteriormente, a agência de notícias Tasmin, associada à Guarda Revolucionária, confirmou que o navio assaltado foi o MSC Aries, referindo-se ao mesmo como um barco "associado ao regime sionista".

O ataque surge no âmbito de um escalar de tensões entre o Irão e o ocidente.

O incidente foi inicialmente reportado pela agência de operações comerciais marítimas do Reino Unido (UKTMO), cuja fonte partilhou com a AP o vídeo desse mesmo ataque.

Segundo a AP, no vídeo veem-se militares a descer de um helicóptero e a tomar de assalto o navio de carga junto ao estreito de Ormuz (entre o golfo de Omã e o golfo Pérsico).

A UKTMO afirmou que imagens mostram que pelo menos três indivíduos terão tomado "rapidamente" de assalto o navio de carga.

À AP, a empresa Zodiac Maritime recusou-se a comentar a situação.

Desde 2019 que o Irão tem sido acusado de estar envolvido em vários assaltos e ataques a navios na zona do golfo de Omã, por onde passa cerca de um quinto de todo o petróleo comercializado no mundo.

As tensões, marcadas nos últimos seis meses pela guerra entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza, subiram recentemente com um bombardeamento a 01 de abril ao consulado iraniano em Damasco, na Síria, que matou altos funcionários militares iranianos, e que foi atribuído a Telavive.

Dia Mundial da Abelha: Apicultores esperam um "ano bom" na produção de mel
20-05-2024 19:28

Novo provedor da Santa Casa diz conhecer desafios que instituição enfrenta
20-05-2024 18:55

Banco de Portugal foi 637 vezes ao mercado em 2023 para comprar dívida pública
20-05-2024 18:00

Estímulo chinês ao imobiliário foi insuficiente para erguer ações do setor
20-05-2024 17:05

Lisboa fecha sessão a valorizar. Mota-Engil sobe mais de 3%
20-05-2024 16:53

PS acusa PSD de "deslealdade parlamentar" e de bloquear as negociações sobre o IRS
20-05-2024 16:38

General Atlantic prepara oferta de três mil milhões para comprar o Idealista
20-05-2024 15:29

IMF ? Inflação dos EUA abrandou em abril
20-05-2024 15:00

EthiFinance inicia cobertura da CUF. "Rating" fica um nível acima de "lixo"
20-05-2024 14:09

Grupo MDS duplica negócio no Brasil com compra de corretora por 143 milhões
20-05-2024 12:01

Preços da produção industrial caem menos em abril
20-05-2024 11:50

Lucro da Ryanair sobe para 1.917 milhões no ano fiscal que terminou em março
20-05-2024 11:14

Microsoft em risco de incumprimento de metas ambientais por desenvolvimento da IA
20-05-2024 11:12

Transferências bancárias passam a ter confirmação de beneficiário
20-05-2024 11:02

Rosário Palma Ramalho vai presidir à concertação social
20-05-2024 09:50

Venda de casas recupera com descida de juros e inflação
20-05-2024 09:04

Presidente do Irão morre depois de acidente de helicópetero
20-05-2024 08:53

BCP a subir mais de 3,5% dá gás à bolsa de Lisboa
20-05-2024 08:16

Este é um caso em que "se justifica um inquérito parlamentar à Santa Casa"
19-05-2024 21:35

A sua semana dia a dia: Dividendos e contas na bolsa de Lisboa e as minutas da Fed
19-05-2024 19:00

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco